Pequenos jornalistas

Halloween

No dia das bruxas

Há alegria e animação

Brincamos ao “Trick or Treat”

Escondemo-nos na escuridão.

Monstros, esqueletos e vampiros

Que noite assustadora!

Tantos gritos e suspiros

Que duram a noite toda.

Recebemos guloseimas

Ou sustos vamos pregar

Um dia cheio de brincadeiras

A todos vamos assustar.

“Os Pequenos Jornalistas”,

                Marta Gomes, 6.ºC

São Martinho

No São Martinho

Ficamos no quentinho

Comemos castanhas

E bebemos suminho

No dia 11 de novembro

Comemora-se o São Martinho

Fazemos uma fogueira

E bebemos vinho.

Na fogueira vou assar

As castanhas rachadas

Vou comer até fartar

As castanhas assadas.

Os Pequenos Jornalistas,

              Joana Matos, 6.ºC

Provérbios…

Em novembro, prova o vinho e planta o cebolinho.

Novembro à porta, geada na horta.

Cava fundo em novembro, para plantares em janeiro.

Dia de São Martinho, fura o teu pipinho.

Dia de São Martinho, lume, castanhas e vinho.

Se em novembro ouvires o trovão, o ano que vem será bom.

Nuvens em setembro: chuva em novembro e neve em dezembro.

Não há dezembro valente que não trema.

Ande o frio onde andar, no Natal cá vem parar.

Em dezembro descansa, mas não durmas.

Dezembro molhado, janeiro geado.

“Os Pequenos Jornalistas”

Recolha de Joana Matos e Clarisse Gomes, 6.ºC

O Natal

O Natal está a chegar

Prendinhas vou receber

Se boas notas tirar

Mais prendas vou ter.

Natal é alegria

É família e união

O que eu mais queria

Era Paz e compreensão.

Celebra-se o nascimento

Do menino Jesus

Que alegre momento

Tão cheio de luz.

“Os Pequenos Jornalistas”,

          Rafael Amorim, 6.ºC

Adivinhas

  • Qual é coisa qual é ela, que é grande antes de ser pequena?
  • Sou ave mas não voo, sou lã mas não sou carneiro, e nestas duas palavras está o meu nome inteiro.
  • Adivinha, adivinha, qual é a primeira coisa que se faz ao acordar?
  • São muitos vizinhos com os mesmo modos, quando um erra, erram todos, quem são?
  • De que lado está a asa de uma chávena?

Soluções: vela, avelã, abrir os olhos, botões, do lado de fora.

Recolha de Marta Gomes, Rafael Amorim e Jorge Brandão, 6.ºC

“Os Pequenos Jornalistas”

Anedotas

– Papá, o que se sente quanto se tem um filho tão bonito?

 – Não sei… pergunta ao teu avô!

– Mamã, os meninos na escola, chamam-me distraído!

– Joãozinho, tu moras na casa em frente…

O que diz uma pulga a outra pulga?

– Vamos a pé ou esperamos pelo cão?

A professora pergunta:

 – Joãozinho, se nesta mão tenho seis laranjas, e nesta tenho cinco, o que tenho no total?

 – Umas grandes mãos, senhora professora!

Recolha de:

Marta Gomes, Cristiano Barros,

 Rafael Amorim, Jorge Brandão,

Clarisse Gomes, Joana Matos, 6.ºC

“Os Pequenos Jornalistas”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *